7 dicas para cuidar e manter o cabelo loiro em casa

Você já deve ter ouvido a frase “ser loira dá trabalho”. A verdade é que para cuidar de qualquer tipo de cabelo submetido a processos químicos é preciso investir tempo e dinheiro. E não seria diferente com o loiro. Se você quer clarear os fios sem medo de deixá-los com aspecto “espigado”, é melhor continuar lendo este post. Nele, reunimos 7 dicas para manter o cabelo loiro em casa!

1.Use produtos específicos e de qualidade

Um erro que muitas mulheres cometem ao comprar produtos capilares é não dar atenção às necessidades do seu tipo de fio. Quem decide ter cabelos loiros precisa comprar produtos específicos para essa cor.

Eles protegem os fios contra a ação de agentes externos, como a radiação solar, que causam a oxidação da cor e provocam desbotamento.

Cabelos que passaram por processos de descoloração perdem muitos nutrientes e precisam de cuidados especiais, é sempre bom investir em um cronograma capilar e produtos específicos para cabelos loiros. Existem no mercado vários produtos que atendem essa necessidade e é muito importante fazer uso deles para manter a saúde e beleza dos fios.

2. Aplique um shampoo matizador

Um problema muito comum com os fios loiros é o amarelamento. E ele pode acontecer muitas vezes em apenas poucas semanas após a coloração. A boa notícia é que é possível atrasar esse processo até o próximo retoque com o uso de um shampoo matizador.

Isso se dá pela oxidação dos pigmentos que são usados para neutralizar a cor amarela dos fios, para manter a cor desejada é preciso repor esses pigmentos que são facilmente oxidados, seja pelo sol, pelo calor do secador e da prancha ou nas lavagens. Quando falamos de cor, temos que entender que o que neutraliza aquele amarelo forte que desagrada muitas loiras é a cor violeta, por isso máscaras e shampoos matizadores tem essa cor. Eles formam um depósito de pigmento violeta no fio que neutraliza o amarelo, mas esse depósito é temporário por se tratar de tonalização, por isso é necessária a reaplicação periódica para manter a cor.

3. Maneire no uso do secador e da chapinha

 

O uso em excesso de aparelhos de calor pode danificar seriamente os cabelos, até mesmo os que não passaram por processos químicos. Os danos mais conhecidos são a perda de queratina, proteína que compõe e dá forma à fibra capilar, e a perda de elasticidade e resistência dos fios.

Para manter um cabelo saudável, o ideal é evitar o uso desses aparelhos no dia a dia. Mas se você, como boa parte das mulheres brasileiras, é uma dependente do secador, da chapinha ou do babyliss, nunca deixe de usar protetor térmico. Nunca!

Muitas mulheres encaram esse produto como apenas uma frescura ou um investimento desnecessário, mas ele é essencial para proteger os fios do calor. Especialmente os alterados quimicamente por tinturas e descolorantes, que ficam ainda mais fragilizados.

4. Dê atenção à finalização dos fios

Shampoos e condicionadores comuns funcionam muito bem em cabelos que não passaram por processos químicos, mas estamos falando de cabelos que perderam todos os nutrientes durante a descoloração. Como dito anteriormente, existem cuidados que devem ser tomados no dia a dia para evitar mais danos do que esse cabelo já sofreu. Procure sempre investir em produtos específicos e com proteção térmica e solar. O calor da prancha e do secador danificam a cutícula e os raios UV oxidam os pigmentos provocando o amarelamento e um aspecto opaco dos fios. Por isso nunca deixe de usar um bom finalizador com proteção solar e térmica, também existem finalizadores no mercado que além desses benefícios, ainda agem matizando levemente os fios. É desses que você precisa!

5.Tenha cuidado com o excesso de queratina

Que hidratação, nutrição e reconstrução precisam integrar a rotina das loiras, isso todo mundo já sabe. Esses processos recuperam os aminoácidos perdidos pelo cabelo com o passar do tempo, devolvem a oleosidade natural e deixam os fios mais maleáveis.

No entanto, é preciso ter cuidado com o excesso, principalmente nos processos de reconstrução, em que os produtos possuem queratina.

A queratina é muito conhecida por reparar e reestruturar a fibra capilar, principalmente depois de processos químicos, como alisamentos, permanentes e a própria descoloração. O problema é que, quando usada em excesso, ela cria o efeito rebote e torna os cabelos mais enrijecidos, sem movimento, opacos e em casos extremos, até rompimento da fibra.

6. Faça um cronograma capilar

O cronograma capilar é uma espécie de agenda de tratamentos que alterna o uso de produtos para hidratação, nutrição e reconstrução de fios danificados. Essa é uma forma de orientar os cuidados para manter o cabelo loiro em casa e tornar esse processo mais prazeroso.

Além do uso das máscaras de hidratação, e da reconstrução com queratina, também é feita a nutrição dos fios com óleos vegetais que repõem os lipídios e reduzem o efeito das agressões dos processos químicos, além dos fatores externos, como: umidade, raios ultravioletas e poluição.

7. Invista sempre em cuidados profissionais para manter o loiro

Se o seu tom de cabelo original é muito mais escuro do que o loiro usado na tonalização, qualquer dedinho de raiz que cresce já cria uma enorme diferença, não é mesmo?

Pocessos de descoloração quando realizados por profissionais, são feitos com muito cuidado e atenção, qualquer erro pode manchar os fios e quando feito em casa, isso pode ser muito pior e virar uma bola de neve. Somente um profissional qualificado vai saber fazer um diagnóstico do fio e realizar a manutenção da cor de forma correta. Retocar a raiz em casa pode ser um barato que sai caro e muitas vezes custar até a saúde do seu cabelo!

Mesmo este post trazendo as principais dicas para manter o cabelo loiro em casa, é importante lembrar que qualquer tipo de coloração (não só para as loiras), exige manutenção constante e os cuidados de um profissional em um bom salão.

Por essa razão, tenha em mente que os tratamentos em casa não substituem a ida ao cabeleireiro. Eles apenas vão fazer os resultados do salão de beleza durarem mais!

Gostou das dicas? Conhece algum outro cuidado para manter o cabelo loiro em casa? Então compartilhe suas experiências com a gente aqui nos comentários. Sua participação é sempre bem-vinda!

Compartilhe nas suas redes sociais